Projeto Instrumental no Estado de São Paulo

Projeto estreia com cinco concertos no interior de São Paulo, com obras de Schubert, Beethoven e Villa-Lobos

 

Quarteto de Cordas_foto Denise Andrade

 

Não é mais preciso ir até a capital paulista para assistir um concerto com um renomado quarteto de cordas ou ouvir música clássica de excelente qualidade. Esta é uma das ideias que move o ‘Projeto Instrumental Clássico no Estado de São Paulo’, que pretendedescentralizar este circuito musical, que costuma ficar restrito aos teatros da capital. Até o final do anoo ‘Projeto Instrumental Clássico no Estado de São Paulo’ levará uma série de 20 concertos para alguns dos principais centros de cultura do Estado. As primeiras apresentações acontecerão em Franca (30/4), Barretos (1/5), Sertãozinho (2/5), Bebedouro (3/5) e Cravinhos (4/5), e serão realizadas por um quarteto de cordas de nível internacional.

Um conjunto de excelência, o quarteto de cordas formado por Cláudio Cruz (violino), Adrian Petrutiu (violino), Horácio Schaefer (viola) e Roberto Ring (violoncelo) tem uma agenda das mais intensas e já ultrapassou a incrível marca de 400 concertos. O quarteto de cordas inaugura o ‘Projeto Instrumental Clássico no Estado de São Paulo’ com esta série de cinco concertos, com obras de Schubert, Beethoven e Villa-Lobos. Um programa que promete contagiar os ouvintes.

Músicos requisitados, Claudio Cruz, Adrian Petrutiu, Horácio Schaefer e Roberto Ring trabalham juntos há mais de 20 anos e estão em constante atividade. Claudio Cruz, por exemplo, figura na lista dos mais importantes violinistas brasileiros e tem atuação cada vez mais expressiva como regente no Brasil e no exterior, onde este ano já regeu a Orquestra Sinfônica de Jerusalém, em Israel, e fez uma turnê pelo Japão. Atuando como quarteto, seconsolidaram como um dos mais destacados conjuntos de cordas do país, apresentando-se também com solistas mundialmente renomados como Emmanuel Strosser, Romain Guyot e Regis Pasquier.

O ‘Projeto Instrumental Clássico no Estado de São Paulo’ é uma iniciativa do Ministério da Cultura, da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, com patrocínio da CESP e apoio da EPTV. Para assistir os concertos, basta doar 1 kg de alimento não perecível em troca do ingresso.

SERVIÇO

PROJETO INSTRUMENTAL CLÁSSICO

NO ESTADO DE SÃO PAULO

 

QUARTETO DE CORDAS

Cláudio Cruz, violino

Adrian Petrutiu, violino

Horácio Schaefer, viola

Roberto Ring, violoncelo

 

Terça, 30 de Abril, 20 horas

FRANCA: Teatro Judas Iscariotes

(Rua José Marques Garcia, 395 – Bairro Cidade Nova)

 

Quarta, 1 de Maio, 20 horas

BARRETOS: Cine Barretos

(Rua Vinte, 1200 – Centro)

 

Quinta, 2 de Maio, 20 horas

SERTÃOZINHO: Teatro Municipal

(Rua Washington Luiz, 1131 – Centro)

 

Sexta, 3 de Maio, 20:30 horas

BEBEDOURO: Teatro Municipal

(Rua São João, 406)

 

Sábado, 4 de Maio, 20:30 horas

CRAVINHOS: Clube da Escola Antônio Joaquim da Silva

(Rua Ida Campioni Salomão, 26 – Francisco Castilho)

 

PROGRAMA

F. Schubert (1797 – 1828)

Quarteto de Cordas nº 14 em ré menor D. 810 – “A morte e a Donzela”

 

L. van Beethoven (1770 – 1827)

Quarteto para cordas nº 8 em mi menor Op. 59 nº 2 – “Razumovsky”

 

H. Villa-Lobos (1887 – 1959)

Quarteto para cordas nº 1

 

Entrada: Todos os concertos terão troca de ingresso por 1 kg de alimento não perecível, a partir do dia 29/abril.

Indicação etária: não recomendado para menores de 10 anos.

 

Lei de Incentivo à Cultura

Patrocínio: CESP

Produção: Interarte

Realização: Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo e “Brasil, país rico é país sem pobreza”

 

Mais informações: www.interartemusica.com.br

 

Israel Honorato Dutra

Oi! Me chamo Israel sou violinista, idealizador e "faz tudo" do Portal Violino Vermelho.

Deixe um comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.